Você está aqui: Página Inicial
 Primeiro bebé Infante de Terras de Santa Maria já nasceu no Hospital São Sebastião
 
Foi na madrugada de 28 de Junho que nasceu o pequeno Infante Marcos Pinho Andrade, com 3.180 kgs, o primeiro a receber o título de Infante da Viagem Medieval.
Tal como todas as crianças nascidas no CHEDV durante o período em que decorre a 20ª Viagem Medieval, Marcos recebeu o título simbólico de Infante e terá direito a um salvo-conduto que lhe garante acesso gratuito vitalício à Viagem.
O acordo foi assinado pela Rainha Santa Isabel e pela enfermeira diretora do CHEDV, Enfª Sara Pereira, no dia 22 de Junho, no Hospital São Sebastião, num evento que incluiu uma visita a algumas parturientes presentes nesta unidade hospitalar.
Em declarações à Lusa, o presidente do Conselho de Administração do CHEDV, Dr. Miguel Paiva, referiu que “foi com particular ‘alegria’ que o Serviço de Obstetrícia da unidade acompanhou este parto. Para nós, cada utente é único e cada um dos nossos bebés é especial, mas esta distinção, que atribuímos em parceria com a organização da Viagem Medieval a todos aqueles que nasçam connosco ao longo dos 12 dias do evento, vem reforçar ainda mais este nosso sentimento", explicou.
Já o presidente da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, considera que a iniciativa "Vem reforçar o sentimento de identidade e pertença dos 'santamarianos' em relação à Viagem Medieval e ao nosso território e, simultaneamente, reiterar a excelência do Serviço de Ginecologia e Obstetrícia do Centro Hospitalar do Entre Douro e Vouga”.
A 20.ª Viagem Medieval em Terras de Santa Maria é dedicada ao reinado de D. Dinis, o "Plantador de Naus" e decorre até 7 de agosto.
 
 
Onda de calor
 
 
Informação e recomendações para a população em geral
De acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê-se um aumento significativo das temperaturas para os próximos dias. 
Assim, a Direção-Geral da Saúde recomenda a adoção de medidas gerais de prevenção destinadas à população em geral e medidas específicas para pessoas mais vulneráveis aos efeitos do calor.
O calor pode ter efeitos nocivos sobre a saúde das pessoas. Os principais grupos de risco são bebés, idosos, doentes acamados, doentes crónicos (nomeadamente alcoólicos, insuficientes renais, insuficientes cardíacos, diabéticos), entre outros.
Em situações de muito calor, a transpiração origina a perda de água e sais minerais, podendo levar a uma situação de grave desidratação. Quando exposto durante muito tempo a situações de calor extremo, o organismo perde a capacidade de regular a temperatura (perda de calor), surgindo sintomas como a pele vermelha, quente e seca, pulsação rápida e fraca, temperatura corporal elevada (“hipertermia”), vómitos e perda da consciência. Felizmente, todas estas situações podem ser evitadas.

Recomendações principais
• Mantenha o corpo hidratado e fresco; 
• Mantenha-se protegido do calor; 
• Mantenha a casa fresca; 
• Mantenha-se especialmente atento e proteja-se se tiver algum problema de saúde; 
• Mantenha-se em contacto e atento aos outros. 

Para mais informações consulte o sítio da Direção Geral de Saúde - www.dgs.pt
Ligue para a Linha Saúde 24: 808 24 24 24. 
Em caso de Emergência ligue para o 112. 

 
CHEDV reconhecido como centro de referência no tratamento oncológico
 
O Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga (CHEDV) foi reconhecido pelo Ministério da Saúde como centro de referência na área de Oncologia para o tratamento do Cancro Hepatobilio/Pancreático.
Ao ser assinalado como Centro de referência no tratamento oncológico, o CHEDV, é reconhecido como o expoente mais elevado de competências na prestação de cuidados de saúde de elevada qualidade em situações clínicas que exigem uma concentração de recursos técnicos e tecnológicos altamente diferenciados, de conhecimento e experiência, tanto a nível nacional como internacional.
O Serviço responsável por este centro de referência é o Serviço de Cirurgia Geral do CHEDV que é composto por uma vasta equipa de profissionais altamente diferenciados e com reconhecimento nacional e internacional, possuindo diversas publicações em revistas de referência e vários prémios obtidos em congressos, sendo liderados pelo Dr. Mário Nora.
Para Mário Nora, diretor do Serviço de Cirurgia Geral do CHEDV “este reconhecimento é o corolário de anos de trabalho da Unidade Funcional de Cirurgia Hepatobilio/Pancreática liderada pelo Dr. Gil Gonçalves”.
 
Centros de Referência
Centro de Referência é qualquer serviço, departamento ou unidade de saúde, reconhecido como o expoente mais elevado de competências na prestação de cuidados de saúde de elevada qualidade em situações clínicas que exigem uma concentração de recursos técnicos e tecnológicos altamente diferenciados, de conhecimento e experiência, devido à baixa prevalência da doença, à complexidade no seu diagnóstico ou tratamento e/ou aos custos elevados da mesma, sendo capaz de conduzir formação pós-graduada e investigação científica nas respetivas áreas médicas.